Inscrição Remida

Inscrição Remida

Por deliberação do Conselho Federal de Enfermagem – Cofen, através da resolução n° 448/2013, a partir de janeiro de 2014 terá direito à Inscrição Remida apenas o profissional de Enfermagem com idade igual ou superior a 60 (sessenta) anos, que possua 30 (trinta) anos de inscrição e que nunca tenha sofrido penalidade ética e/ou administrativa no Sistema Cofen/COREN.

Para obter Inscrição Remida o profissional deverá estar quite com todas as obrigações financeiras junto ao Conselho Regional de Enfermagem, inclusive quanto à anuidade integral do exercício, se o requerimento for protocolizado após 31 de março do exercício vigente.

Documentos para Inscrição Remida “IR”

  • Requerimento;
  • 02 (duas) fotografias recentes e iguais com fundo branco em formato 3×4 ou por meio digital, esta última de responsabilidade do Conselho Regional de Enfermagem;
  • O funcionário deverá conferir os dados do profissional constante no Sistema de Informação; Caso haja inconsistência nas informações, anexar cópia do documento utilizado para alterar ou complementar a informação;
  • Cópia o comprovante da taxa de inscrição remida.

Considerações

  • É permitido o exercício da profissão ao portador de Inscrição Remida.
  • O profissional portador de Inscrição Remida poderá votar e ser votado.
  • O inscrito remido está isento do pagamento das anuidades após sua concessão.
  • Ao profissional portador de Inscrição Remida será expedida nova carteira profissional de identidade com o mesmo número de sua Inscrição Definitiva Principal, seguido da letra “IR”, ligada por hífen.
  • O profissional poderá reverter sua Inscrição Remida para Definitiva, desde que requeira e efetue o pagamento da taxa e anuidade devida.

Profissionais que trabalharam e contribuíram com CORENs de outros Estados também têm direito?

Sim, neste caso a regra não se altera: será considerada a contribuição para todo o Sistema Cofen/COREN em qualquer unidade da federação. Caso o profissional tenha sido inscrito em outro Estado, será necessário apresentar, no momento da solicitação, uma certidão que comprove ou some 30 (trinta) anos de contribuição e a ausência de penalidade administrativa e/ou ética em sua trajetória profissional. Esta certidão deverá ser solicitada ao COREN do estado onde o profissional possuiu registro.